Convidada Especial 

Foto: Gustavo Cordeiro.

Foto: Gustavo Cordeiro.

Quase duas décadas depois, Marlúcia do Amaral volta as Seminário

Por Gustavo Cordeiro –

Dezessete anos é a média de idade dos alunos do Seminário Internacional de Dança de Brasília. Os bailarinos vêem de diversas partes do Brasil para aprender mais sobre a arte de dançar. Esta foi a grande motivação de Marlúcia do Amaral, que 17 anos atrás, quando tinha 17 anos, ganhou uma bolsa da fundação alemã Birgit para a Akademie dês Tanzes, de Mannhein, Alemanha. A fundação é dirigida pela própria bailarina Birgit Keil e o marido, o bailarino tcheco Vladimir Klos.

Marlúcia já tinha sido premiada algumas vezes antes, nos Açores, em Buenos Aires, no Festival de Joinville e muitos outros. Mas o VIII Seminário Internacional de Dança foi a virada de 180º em sua vida. Um ano após chegar em Mannhein, passou para a companhia de Martin Schöpfer. Atualmente, ela é primeira solista do balé de Dusseldorf.

Para a bailarina, além de talento é preciso muito trabalho, pois, de outra forma não se consegue evoluir em nenhuma profissão. É onde entra o Seminário, segundo ela uma iniciativa grandiosa, que felizmente continua viva após 25 anos. “Aqui (no Brasil) falta infraestrutura à dança e outras artes eruditas”, lamenta Marlúcia. Apesar de tudo, ela sente falta do calor do povo brasileiro, a coisa que mais sente saudade desde que se mudou para Alemanha.

Este é um evento da Secretaria de Estado da Cultura do Distrito Federal em parceria com a Associação Cultural Claudio Santoro.

Este evento faz parte do programa DANCE BRASIL.

Para reproduzir as matérias basta somente dar crédito à Agência Dance Brasil.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s